Altas habilidades e sintomas de déficit de atenção/hiperatividade na pré-escola: Um estudo de caso

Rui de Moraes Jr., Jéssica Elias Vicentini, Angela Magda Rodrigues Virgolim

Resumen


Crianças com altas habilidades podem apresentar sintomas característicos do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH). A avaliação neuropsicológica nesses casos oferece um desafio ao clínico e o diagnóstico diferencial é ainda mais difícil em pré-escolares. A diferenciação entre altas habilidades vs. TDAH na pré-escola permite intervenção precoce visando a melhora dos comportamentos contidos na queixa. Considerando a relevância do assunto, o presente trabalho evidencia por meio de um estudo de caso como queixas comumente associadas ao TDAH podem mascarar um quadro de altas habilidades já na pré-escola e, com isso, contribui para a atuação profissional na área da neuropsicologia. De modo geral, o caso clínico investigado apresentou desempenho esperado ou alto nas funções cognitivas avaliadas e muito acima da média em testes de inteligência. Conclui-se que o diagnóstico diferencial entre altas habilidades e TDAH na pré-escola demanda, em grande medida, de avaliação qualitativa bem fundamentada. Também foi ressaltada a importância da reavaliação das funções examinadas em pacientes pré-escolares, com destaque para as funções executivas no caso avaliado.
Palavras-chave: TDAH, superdotação, crianças com altas habilidades, estudos de caso, neuropsicologia.

Texto completo:

PDF


https://www.ebsco.com     http://www.redalyc.org     http://pepsic.bvsalud.org     https://doaj.org     http://www.latindex.org     http://www.psicodoc.org     https://scholar.google.com